Suplementação e Academia – Sem orientação não dá!

musculação

Olá meninas, aqui é a Alessandra Pena do Blog Discurso Feminino e minha amiga nutricionista Letícia Carolino explica sobre a suplementação e a academia.
A busca pelo corpo perfeito, tanto em questão estética quanto em questão saudável, tem sido constante pela maioria das pessoas. É visível o crescimento do consumo de suplementos para potencializar o efeito da atividade física. Os suplementos alimentares, quando aliados a uma dieta equilibrada, auxiliam no processo de emagrecimento, definição ou no ganho de massa muscular. Cheio de promessas tentadoras, esses produtos são vendidos livremente em lojas especializadas, sem a exigência de receita médica ou qualquer acompanhamento. Mas nem tudo é tão simples quanto parece. Mal administrados, eles oferecem sérios riscos à saúde.
No Brasil, a idade média dos consumidores de suplementos alimentares está entre 20 a 35 anos, um público relativamente jovem e também o público que mais se preocupa com o físico. Os jovens de 20 a 35 anos estão lotando as academias e, por isso, pode ser que haja a indicação de produtos sem uma avaliação prévia quando um amigo indica para outro amigo, que indica para outro amigo e por aí vai. O uso incorreto ou excessivo de um determinado nutriente impede a absorção de outros, provocando o desequilíbrio nutricional. Outro erro é substituir a refeição pela suplementação, vale lembrar que suplemento não pode ser substituto da alimentação, mas sim uma complementação, pois uma alimentação equilibrada é a melhor – e única – maneira de manter o corpo em dia e em boa forma.
Quando o suplemento é mal ingerido ou a orientação passada não é ideal para quem vai usar, ele pode trazer danos ao organismo, principalmente:
* Problemas no fígado;
* Nos rins;
* No coração;
* Aumento no percentual de gordura;
* Aumento de acnes;
* Gases;
* Alergias respiratórias.
Os suplementos devem ser receitados por um nutricionista, pois é importante fazer uma avaliação antes de utiliza-los. Conheça a seguir os principais tipos de suplementos disponíveis no mercado e seus efeitos:
PRÉ-TREINOS – O que é: em sua composição há vasodilatadores que facilitam a passagem de oxigênio e psicoestimulantes pelos vasos sanguíneos e faz com que eles cheguem às células musculares mais depressa. Dessa forma, oferecem ao usuário mais pique e força para fazer atividades físicas.
Efeitos colaterais: dependência, aumento da resistência a estimulantes, ansiedade, arritmia, alteração da pressão arterial, tremores, insônia, agressividade, sonolência e desânimo após o efeito estimulante.
TERMOGÊNICOS – O que é: são suplementos que ajudam a acelerar o metabolismo e o processo de termogênese, que aumenta a temperatura do corpo e auxilia na queima de gorduras.
Efeitos colaterais: pode causar desidratação, arritmia, agressividade, insônia, cefaleia, falta de concentração, enjoo, agitação.
WHEY PROTEIN – O que é: Whey Protein é a proteína presente no leite e o suplemento mais usado nas academias. Como é de fácil absorção, promove rápida reconstrução muscular e é ideal para atletas de alto nível.
Efeitos colaterais: pode engordar se não for ingerida a dosagem correta ou se o uso não for acompanhado de uma dieta equilibrada. Em algumas pessoas pode provocar gases.
MALTODEXTRINA E DEXTROSE – O que é: é um carboidrato de absorção lenta, extraído do amido de milho. Possui alto índice glicêmico, ou seja, promove elevação do nível de glicose no sangue, fornecendo energia. Para controlar a quantidade de açúcar, o organismo produz insulina, que auxilia na síntese de proteínas, o que acaba contribuindo para a reconstrução muscular. Além disso, atua no transporte de nutrientes para dentro das células, sejam proteínas, creatina ou glutaminas.
Efeitos colaterais: não existem estudos que descrevam os efeitos colaterais, mas há relatos de surgimento de acne.
Mas atenção: nada de escolher o seu sem a orientação certa, para não colocar a saúde em risco em nome da vaidade.
Nutricionista – Dr
.ª Letícia Carolino

lscarolino@hotmail.com

Grande Beijuuu
Ale Pena
@twittesmulher

Música: José González

“Em um mundo de clones musicais, o sueco argentino é um novo talento original”, foi o que a Sun disse sobre Jose Gonzalez. Ele é sueco argentino, seus pais se mudaram pra argentinda no ano que ele nasceu, tornou-se cantor de música folk indie e tem como ídolo da música Sílvio Rodriguez. Ele toca desde o final de 1990, mas foi em 2003 que ele começou sua carreira com seu primeiro álbum, Verner,  Em 2006 lançou um álbum na África do Sul, B-Sides Collected e em 2007 In Our Natur, o primeiro álbum rendeu mais de 700.000 cópias e alguns prêmios para o cantor. Ele virou hit na Europa, os EUA, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Japão, América do Sul e África do sul, superando barreiras e sendo fiel ao seu estilo musical, que é visto como único e intimista, coisa rara no pop moderno.Vamos cantar esse cantor que arrancou tantos elogios da classe musical internacional.

Para saber mais sobre ele, entre no site José González.
Texto: Luh Guedes | Fonte: José González | Videos: Youtube | Foto: Reprodução

Decoração com caixotes de madeira!

Hoje o lema de todo mundo é economia. Hoje vim mostrar pra você as mil e uma ultilidades dos caixotes de madeira, isso mesmo, caixote de madeira, aquele que a gente vê no sacolão cheios de frutas. Tudo se transforma, basta uma pitada de bom gosto e uma dose de criatividade para transformar os caixotes em estantes, fruteiras, organizadores, porta revistas e muitos mais. Fiz uma pesquisa e você pode ir ao sacolão mais perto da sua casa e comprar por um precinho irrisório, mas achei no Mercado Livre com o preço mínimo de 30 reais. Os mini caixotes um pouco mais baratos. Se você não tem o “dom” para decoração, ou não gosta de fazer artesanato e nem tem interesse em aprender, mas quer ter as  caixas já enfeitadas, ornamentadas, você pode comprá-las, basta encomendar. Achei alguns sites que vendem os caixotinhos customizados. Uma lojinha que chama Caixote de Feira e outro que chama Madeira Usada. Se você procurar, tem alguns sites que te ensinam a customizar os caixotes, tutoriais completos. Mas agora vamos nos inspirar:
Se você quer ter plantinhas, mas não em espaço, essa é uma ideia espetacular.

Tintas Coloridas, 6 caixotes e pronto! Você já tem uma estante!  Vale lembrar que é bom ter pregos e martelo para reforçar os caixotes

Você não tem armários e nem grana para compra um, utilize os caixotes e sua criatividade
para montar uma prateleira com a cara da sua cozinha.

Olha que charme os caixotes para banheiro!

Um estante fofa para colocar os livros e enfeites. 

E que tal fazer uma hortinha nas caixas? Tenho uma Tia que vai amar essa idéia! 

Achei o máximo essa fruteira, não sei se euzinha conseguiria fazer, mas que a idéia é genial, ah isso é! 

Sapateiras estilosas! 

Essa decoração de cozinha é meu xodó! Vou tentar fazer e se conseguir mostro pra vocês.

Para quem tem criança, uma ótima solução, mas antes de pintar tem que lixar hein mamães, para não machucar as mãozinhas dos pimpolhos! 

Estantes pregadas nas paredes separadamente, ótima opção!

Estantes com rodinhas! É muito amor né gente? 

Vários caixotes, várias utilidades e notem que esse cantinho é todo sustentável! 
A cortina de garrafas de vinho são um espetáculo! 

Idéias para a organização da cozinha é o que não faltam!

Caixotes + um tampo de vidro e voila! Uma mesa para seu escritório! 

E os caixotes também podem ser uma excelente adega! 

Mais uma opção para banheiro! Um estilo e tanto! 
Espero que tenham gostado dessa inspiração! Eu amei a idéia dos caixotes e estou louca para adquirir uns e fazer artes aqui em casa! 

Texto: Luh Guedes| Fotos: Reprodução

Estilo Parisiense – Livro Madame Charme

Quem conhece Paris e ou é louca para conhecer, vai amar essa dica de leitura. Livro recentemente lançado no Brasil, “Madame Charme – Dicas de estilo, beleza e comportamento que aprendi em Paris”, surgiu de um post de Jennifer L. Scott, estudante americana que em 2001, com apenas 20 anos na época, foi para Paris fazer um intercâmbio. Jennifer tinha um estilo largado e despojado, com a cara de Los Angeles e em Paris se deparou com mulheres sofisticadas, charmosas e muito elegantes. Paris foi vista por ela, como uma escola e assim que voltou de lá, escreveu em seu blog Jennifer L Scott um post falando sobre 20 coisas que ela aprendeu na França.


E texto foi um sucesso, e Jennifer resolveu aumentar as dicas, que acabou resultando nesse livro, mas ela não esconde a dificuldade na mudança. Aqui no Brasil, por exemplo, temos o hábito de “guardar” nossas melhores roupas para ocasiões especiais, enquanto em Paris, as mulheres sempre estão usando suas melhores roupas. O lema é ter poucas peças, de bom gosto e excelente qualidade. Colocar a arte parisense de vestir e viver em prática exige disciplina e muita força de vontade. Pra vocês ficarem com água na boca, no caso da leitura, com brilho nos olhos, vou mostrar cinco hábitos parisienses que podem mudar seu conceito de vida, retirado de Madame Charme:



1 – Fique longe dos lanchinhos. Francesas comendo biscoitos, balas e chocolates no meio da tarde? Difícil de ver. Atacando a geladeira antes de dormir? Impossível! “Lanchinhos não são chiques. A francesa de verdade não belisca entre as refeições”, contou Jennifer ao ELA. “Isso as ajuda a manter a famosa boa forma e aproveitar melhor as refeições principais”.

2 – Valorize a qualidade. Use suas melhores roupas, acessórios e louças com frequência. Todo dia é um dia especial na vida de uma francesa e deveria ser na sua também. Isso vai ajudá-la a dar mais valor a suas experiências rotineiras.

3 – Incorpore simples exercícios físicos ao seu dia a dia. Jennifer conta que a dona da casa de seu namorado, que também fez intercâmbio em Paris, morava num andar alto de um prédio sem elevador e não via problema nenhum em subir a pé. “A vida em Paris é ativa – exercício faz parte do cotidiano”, escreve a autora. O resultado desse hábito francês? Saúde. Então que tal abandonar o elevador, estacionar o carro um pouco mais longe do trabalho ou até mesmo dispensar a faxineira e fazer por si mesma as tarefas domésticas? Você só tem a ganhar.

4 – Cultive guarda-roupa enxuto. A francesa não se importa em ter apenas dez (boas) peças no armário. Quantidade não é qualidade, e a opção é sempre investir em poucas, mas boas coisas. Acha dez peças pouco? Ok, é pouco. Não precisa ser tão radical. Dêuma faxina geral no armário, doe o que não usa mais e fique apenas com o que é realmente necessário. Invista em diferentes combinações e você nunca vai parecer maltrapilha.

5 – Organize sua bagunça e diga não ao consumismo. Na casa onde morava, Jennifer não viu bagunça um dia sequer. Além de organizados e práticos, as pessoas da família não cultivavam o hábito de consumir (qualquer coisa) exageradamente. Guardar ou comprar objetos demais dificulta a arrumação e é um prato cheio para caos. Assim como foi feito com o guarda-roupa, tente se livrar daquilo que não tem mais serventia e viva em um ambiente arrumado.


O Livro “Madame Charme – Dicas de estilo, beleza e comportamento que aprendi em Paris” é da Editora Agir e custa apenas R$ 39,90, a arte é de André Mello. Uma ótima dica de presente, até mesmo para se dar de presente.

 Texto Luh Guedes | Fonte: Mandame Charme | Fotos: Reprodução

Agradecimendo de Aniversário

Parece que foi ontem que eu era louca para completar os 18 anos! Porque quando somo adolescentes temos tanta expectativa nessa idade! Depois dos 18, eu achava que os 25 iriam ser mágicos, não me perguntem de onde tirei essa ideia. E hoje, já completo 33, a idade de Cristo, onde há uma expectativa diferente, dizem que é uma idade de mudanças, de crescimento e maturidade.
Hoje, com 33 vou agradecer. Eu, como todo mundo, tive e tenho sonhos, esperanças, expectativas, frustrações e todos esses sentimentos que sempre temos, mas acho que amadureci, não quero pedir presente, quero agradecer os presentes e aos presentes.
Em meio de várias crises e dificuldades, me sinto na obrigação de agradecer a tudo que passei, a todas as pessoas que passaram em minha vida e principalmente, as que estão fazendo parte dela. Demorei muito a conquistar coisas que achei que seriam fáceis e quando comecei a achar que tudo estaria em um futuro bem mais distante, a vida me surpreendeu com tudo ao alcance de minhas mãos. Tudo palpável e realizável. Mas não pensem que foi mérito só meu, porque tenho apoio, de quem eu não esperava, de quem eu não imaginava e hoje graças a essa pessoas, me sinto uma pessoa amada e querida, por muito mais pessoas do que eu imaginava.

Quem me acompanha, sabe que tenho um irmão, Gabriel, de 15 anos. Agradeço a ele, por me mostrar o que é o amor incondicional. Acho que ele veio na minha vida pra aflorar meu instinto materno, pra encher minha vida de alegria e esperança! Príncipe, você é a pessoa mais especial da minha vida.

Falando em irmão, tenho que agradecer, ao meu Primo, João Henrique! Hippert, você é o irmão mais velho
que não tive e que sempre quis ter. Tivemos nossos momentos mais distantes, cada um em sua vidinha.
Hoje, não sei se graças aos nossos “tombos” ou ao nosso amadurecimento, somos irmãos de novo, acho que você sabe que pode contar comigo, assim como eu sei que posso contar com você. Amor de irmão é a definição do que sinto.

Luisa e Talita! Luisa lá da Suíça sempre presente aqui! Talita, mesmo com a grande diferença de idade, sempre amiga, companheira! Primas e amigas, é o que somos!

Renatinha, depois de 8 anos trabalhando juntas, conseguimos ver que tínhamos muito mais em comum doque imaginávamos. Acho até que nossas diferenças nos unem. Você me escuta, me apoia, ri das minhas palhaçadas e escuta minhas lamúrias. Agradeço a Deus por ter te colocado em minha vida.

Luciana Caram, que veio pra minha vida através dos blogs, mas não é só o blog que temos em comum. É uma amizade que está crescendo a cada dia e saiba que você á mais especial do que imagina. Tão parecidas e tão diferentes, mas o que seria do igual se não fosse o diferente? Que esse aniversário, seja o primeiro de muitos que você está presente.

Agora, é um agradecimento mais que especial. Flávia Alessandra e Família Caldeira, não tenho palavras para agradecer o que vocês tem feito por mim. Dizem que é nos momentos difíceis que enxergamos quem nos ama e vocês me fazem sentir o ser mais amado desse mundo. Com vocês me sinto protegida, me sinto especial, me sinto querida e não tem dinheiro no mundo que pague tudo que vocês tem feito por mim. Até sobrinhos eu ganhei, achei que ia ser só Tia Avó quando o Gabriel resolvesse realizar esse sonho meu, mas hoje me sinto realizada com meus pequenos, Álvaro e Bernardo, que só trazem alegria para minha vida. Espero que eu consiga retribuir todos os carinhos, todo o apoio e todo o amor que vocês têm me dado. Tia Maizé, Tio Dino, Wadson e Gisele, obrigada pela oportunidade de fazer parte dessa família. Flávia Alessandra… a gente se afastou, a gente discute, bate de frente, mas no final, a gente se entende. Obrigada por compartilhar sua família comigo, por tolerar meu mau humor e por entender meus dias difíceis. Irmã de alma define o que você é pra mim.

 

Roberta Assis e Fernanda Chaves, vocês são a prova de que amizade verdadeira resiste a distância. Obrigado por fazerem parte da minha vida mesmo de longe, amo vocês.

E tem muito mais pessoas a quem eu devo agradecer e sim, mas eu ficaria aqui horas a escrever e vocês perderiam a paciência de ler, sou abençoada por estar sempre cercada de pessoas especiais, outro dia agradeço aos outros. E agora, por último, mas o mais importante: Deus, agradeço por cada tombo, cada tropeço, cada lágrima e por todo amor que tenho em minha vida. Feliz é aquele que sabe fazer de todas as oportunidades um aprendizado. Eu aprendi a valorizar quem me valoriza, a gostar de quem gosta de mim e a fazer parte da vida de quem quer fazer parte da minha. Obrigado a todos que passaram pela minha vida e obrigado aos que resolveram ficar, vocês são os meus presentes nesse dia!

Texto: Luh Guedes | Foto: Reprodução